sexta-feira, 20 de março de 2009

Fato/facto consumado... ou não?

O jornal português Correio da Manhã anunciou que dará início à adaptação do jornal ao novo Acordo Ortográfico. Paulatinamente. Nem todos os textos serão escritos pelas novas regras: "A nova ortografia só se estenderá a todos os textos do jornal, respectivamente primeira página e manchete, quando já ninguém estranhar a palavra 'facto' escrita sem cê", declarou Octávio Ribeiro, diretor/director do jornal.

A resistência é grande em Portugal, como se o Acordo fosse imposição brasileira sobre aquele país. Num fórum em que se discute a Nova Ortografia, um internauta português fez a seguinte comparação: "É como se o inglês falado na Índia se sobrepusesse ao inglês falado na Grã-Bretanha, só porque os falantes são muito mais numerosos no país asiático do que no europeu."

O ouvido lusitano dói, se eu escrevo: "Cristo, de fato, morreu na cruz." Numa lógica linear, presa à letra, Cristo vestiu um terno e morreu crucificado. Perfeito. Mas também alguém poderia alegar que "terno", roupa, confunde-se com o adjetivo referente a sentimentos afetuosos. O contexto nos ajuda a descobrir em que sentido a palavra polissêmica está sendo empregada.

O fato é que o Acordo foi ratificado por Portugal. É fato consumado. Ou não?

2 comentários:

  1. Bruno Santo-Rafael16 de janeiro de 2010 19:17

    Realmente já não há nada a fazer. No entanto acho que tal como muitas palavras podem ser escritas das duas formas como exemplo: conosco e connosco ou cotidiano e quotidiano. Facto poderia ser facto em Portugal e fato no Brasil. Dah

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Consultado "O Novo Acordo Ortográfico" :

      Supressão gráfica de consoantes mudas ou não articuladas
      ct
      ata (s.f.) ativar, ator, atual, adjetivo, afeto, arquitetura, coletivo, correto, defetivo, detetar, dialeto, direto, diretor, elétrico, espetáculo, exatamente, letivo, objetivo, objeto, projeto, refletir, teto (s.m.).

      N.B.: Nos casos em que a consoante se articula, teremos, pois, a sua manutenção na norma culta lusoafricana, contráriamente à brasileira :
      bactéria, compacto, convicto, facto, intelectual, invicta, lácteo, néctar, noctívago, octógono, pacto, pictórico.

      Excluir